sexta-feira, 23 de novembro de 2007

ALMAS



Quando ontem cheguei a casa estava com o meu filho mais novo uma amiga, a Palmira, ia cansada mas bem disposta e vai de contar logo uma gracinha aprendida com esta engraçadinha.


Vai a criaturinha que tem para aí uns 25 anos, vira-se para mim e diz: - Oh, tia que coisa tão cruel de se dizer, logo a tia que é uma alma tão boa .



Nem respondi, entrei no meu escritório e escrevi na lista de presentes de Natal:




Palmira: uma alma nova (que a dela já devia ser velha quando lha deram)




Tita

5 comentários:

Thunderlady disse...

Ahahahahah!

Será uma questão de alma ou de humor?

pensamentosametro disse...

Thunderlady,

No caso desta miúda, é mesmo de alma (de) velha.

Bjos

Tita

Gione disse...

Olha que lindo a entreter velhotas!
Tu também tens cada uma, Jove!
Mira lá bem a Pal e vê se ela ainda tem os dentinhos todos!
Oh Tia, a tia anda a enganar a criatura, Tia!

Me Hate disse...

Obrigada pela divulgação... Tenho pena de não nos termos cruzado... Beijo!

pensamentosametro disse...

Me hate,

Não faltarão oportunidades de nos cruzarmos, continuação do sucesso.


bjos

Tita