quinta-feira, 19 de julho de 2007

A VIDA

...devia ser como o comércio de telemóveis, entregávamos esta usada a descontar, um quase nada, numa novinha em folha.



Tita

6 comentários:

leao_xxi disse...

O pior é quando pensamos que o novo é melhor, e não é...e ficamos arrependidos de não ter ficado com o velho...em relação à vida, é a mesma coisa...a nova ainda podia trazer mais problemas do que a que temos...
Beijocas e muita força

pinky disse...

a começar digo que essa fotografia de inicio não ganha o prémio literário, mas com certeza que ganhava um prémio de fotografia, é simplesmente maravilhosa.
a seguir, relativamente a este texto concreto... e quem te diz que a vida não é mesmo assim? não a debitar, mas sim a creditar, tenho cá uma impressão que é isso mesmo.
Cada um vive as vidas que forem precisas consoante aquilo que for preciso...parece-me....digo eu...

Picas disse...

E a antiguidade e fidelização convertiam-se em pontos que, por sua vez, revertiam em prémios...

pensamentosametro disse...

Leão,

és capaz de ter razão...


Pinky,

Devo ter que voltar muuuuuitas mais vezes.



Picas,

Acho que é isso que a Pinky quis dizer.

Thunderlady disse...

Gostei deste pensamento. :)

Vou citá-lo, pode ser?

pensamentosametro disse...

thunderlady,


estás à vontade.

Tita