terça-feira, 21 de outubro de 2008


Nunca tentes obrigar a que se repita a hora, o dia, o momento perfeito, as férias que ardentemente desejarias emoldurar, recordar para sempre.


A perfeição, embora só muito de vez em quando acontece. Há que saber saborear com todos os sentidos o momento, perfeito, único e irrepetível, inemitável.

7 comentários:

Jedi Master Atomic disse...

Eu não acredito na perfeição.

Gi disse...

Sem dúvida que há momentos perfeitos, perfeitos, exactamente, por serem únicos;
A rotina banaliza.

Ana Oliveira disse...

Os momentos perfeitos devem guardar-se na memória...na gaveta dos momentos perfeitos, com etiqueta e tudo...e ao fim de um tempo abrir a gaveta e perceber que afinal houve na nossa vida mais momentos perfeitos do que julgávamos!
Permito-me discordar do jedi master atomic...a perfeição existe...tem é um valor, uma cor, um cheiro e um sabor diferente de pessoa para pessoa...

Ovinho Estrelado disse...

É verdade, minha querida Amiga Tita.

Por mais vezes que se volte ao mesmo lugar, por mais sonhos, desejos, planos que se façam... Nunca é como foi.

Há lugares e momentos únicos, perfeitos, irrepetíveis e inemitáveis.

Beijo imenso para ti.

Vanda: um igual para ti, Querida.

*

*

sonhador disse...

Nada mais verdadeiro.

Beijos.

Mr X disse...

Mhhh... podes repetir?
eheheheh

fj disse...

cá pra mim, há lugares e momentos únicos, perfeitos, a repetir e não os tomo como inimitáveis.
;)
bjs do teu conterrâneo