sexta-feira, 14 de setembro de 2007

RELATO DO CHECK UP OU....

.... de como uma xica-esperta nossa conhecida saiu de um consultório médico de "orelha murcha" e "viola enfiadinha" no saco para pasmo de uns e gáudio de outros.
O caldo começou a entornar logo ontem à noite quando o Sr. Dr. João fez o favor de me informar que não ia fazer os no sítio do costume mas sim a uma clínica da sua confiança, assim eu não podia pôr-me na brincadeira com o Zé Manel, o médico e manipular os técnicos de saúde, humpfff, até parece...
Saída de casa pelas 9 horas, com o Sr. Dr. ao meu lado, paradinha rápida no escritório para responder a um mail, mais um recadinho à Isabel e fizémo-nos à estrada.
Chegados à clínica, o João foi recebido com grandes manifestações de carinho do pessoal inteiro dos auxiliares aos médico: - tantas saudades, está com muito bom aspecto, está mais novo - grandes mentirosos, a conversa de "chacha" do costume, conduziram-nos a uma sala muito simpática cheia de Elsas Raposo, mas nem aqueci o lugar, pois escassos minutos passados eis que invade a sala uma "arremelgada", aos gritos: " João, o meu benfeitor preferido, tinha tantas saudades suas querido, então esta é a sua Grace? perante o meu adejar da pestana, esclarece, como se fossemos os dois estúpidos, um gay e uma ruiva alta, Will e Grace, estão a perceber?Então não estava? A perceber e a ferver, só me apetecia "pirar-me" dali para fora, mas senti a pressão dos dedos do João no meu cotovelo e lá me preparei para o que aí vinha, até porque confesso, não me sentia lá grande coisa, fora da minha zona de conforto e sem pequeno almoço tomada decidi "forrar-me" de paciência a fim de não deixar vir ao de cima o meu famoso "feitio de trazer por casa" em nome da amizade e respeito que tenho pelo João .
Muito pouco tempo depois chega um fulano enorme de bigode façanhudo e cara de "papel vegetal amarrotado", cumprimenta efusivamente o João e olhando para mim pergunta: "Então é esta a tua amiga? Como está Dra?.
-Chame-me Luísa por favor, afinal o homem estava prestes a conhecer-me mais intimamente ,e eu danadinha para abrir uma brechinha naquele muro de 2 metros de altura que me permitisse pôr mais à vontade, pois sim. Vamos parar aqui só para esclarecer que não estou muito habituada a ter que olhar para cima, como não sou exactamente baixa o contacto é feito ao nível dos olhos nos olhos e esta torre fazia-me sentir pequenita que não é o meu sentimento favorito, toda a gente sabe que gosto de estar sempre em controlo de todas as situações.
Avançando, entramos os dois no gabinete do dito Dr. Agostinho, só sei porque li na placa, liga o computador e atira-me esta: O meu colega, o meu médico assistente o Zé, "combinadinho" com o João, enviou-me por mail a sua história clínica e tenho-lhe a dizer minha senhora que tem gerido o cuidado com o seu corpo de forma muito pouco inteligente, Então que é lá isso? Penso eu, vá chamar descuidada e burra a quem lhe fez as orelhas, mas ainda tentando dar a volta à situação respondo tentando "meter" uma graçola:
-Então Dr. o seu marketing também deixa muito a desejar a agredir assim o cliente, espanta a freguesia toda: Olhou para mim com aquele olhar que gela a alma e congela os ossos de um simples mortal e começa:
Fumou 3 maços de tabaco durante cerca de 28 anos. - Mas já não fumo há 3 argumento eu, Ah, pois mas como resolveu fazer isso sem perguntar nada a ninguém , engordou 18 Kg - mas já os perdi quase todos, pois mas agora tem quase 50 anos e vai ser difícil perder o resto, mas adiante; Arre! que o tipo é irascível, em 1989 teve um derrame cerebral motivado por stress e assinou um termo de responsabilidade para ter alta dois dias depois de lhe ter sido extraído o coágulo. - Mas, apressei-me eu a tentar responder :
- Minha senhora, nem mas nem meio mas, de uma pessoa com o seu nível de instrução esperava um bocadinho melhor, mas vou fazer-lhe um desenho: a senhora é como aquelas maçãs importadas, muito bonitas e reluzentes por fora, com óptimo aspecto mas contudo por dentro têm uma boa parte "bichada", como é que vai ser? Vamos levar isto a sério ou não? Se não a porta é ali e eu tenho mais que fazer.
Como quem cala consente, a consulta continuou e saí de lá com um maço de pedidos de exames na mãozinha, acompanhada de uma enfermeirita toda catita e o resto do dia foi passado entre colheitas para análises a tudo e mais alguma coisa , TAC, Mamografia, tudo que possam imaginar , nem a Santa Madre Igreja escapou, veio o Papa Nicolau e tudo, não vos vou maçar com mais detalhes, até porque a freguesia é mista e convém não me tornar muito gráfica, só vos digo que lá para o meio da tarde regressei ao antro do carrasco, perdão ao consultório do Dr. Agostinho que me prescreveu alguns medicamentos e toneladas de procedimentos exercício físico, o que não posso comer, que bem vista a coisa é praticamente pão e água, ou melhor água porque o pão também é só o cheiro, reduzir o stress, as horas de trabalho e tal e tal....
Ainda abri a boquinha tentando ironizar: - se eu soubesse que era tanta coisa tinha trazido a minha assistente, mais um olhar "daqueles" e um seco:
- Até Novembro Dra. e quero ver resultados, percebeu?
O resto já vocês sabem, "orelha murcha e rabinho entre as pernas" ...Até Novembro é o que nós vamos ver.
E afinal tanto alarido para nada, tenho o colesterol alto, tenho diabetes e sou hipertensa para além daquela coisa do labirinto, tá bem pronto, preciso de ter algum cuidado, pronto, cuidado e um bocadinho mais de respeito pelo corpito mas maçã "bichada" por dentro, francamente...
Tita
Com a tensão mais alta e palpitações deixaram-me vocês todos com as mensagens de carinho que me deixaram ao longo do dia
obrigado e beijos a todos

9 comentários:

Gione disse...

Está a ver?
Mais vale uma orelhinha murcha e um rabinho entre as pernas, do que uma pega de cernelha e um grande arrimadelho!!!!

E aqui o TOURO sou eu, de signo!!!!

Vamos lá a seguir à risca o que o Santo, perdão, o Sr. Dr. Agostinho lhe prescreveu!

Paulo Vinhal disse...

Precisamos todos de ti por muitos mais anos Tita. Cuida bem de ti. Eu também tenho andado bastante preocupado, porque fui a um podologista que me disse que tenho pé cavo, mas fiquei logo aliviado quando me disse que posso corrigir isso com umas palmilhas de 75 euros. Ufa. Ainda bem, estava a ver que ia desta.

Abração

Thunderlady disse...

Tita, cuida de ti! Por todos os motivos e por mais alguns, mas cuida-te.

E faz o que o sr. Dr. FDiz... como se diz lá no meu canto: cada macaco no seu galho.

:)

Beijinhos, e o que precisares diz!

leao_xxi disse...

Ai que a tia não tem juizo...não queres continuar com o estabelecimento encerrado, pois não????
Vê se te cuidas!!!!!!

Beijocas e com a Thunder diz, se precisares de alguma coisa, é só dizeres...

xá-das-5 disse...

Olha, francamente o que gostei do relato é saber que és uma maça toda bonita por fora... e a tal enfermeira toda catita.

Headache disse...

Tita, espero que o senhor doutor depois goste de ver os resultados em Novembro ;)


P.S.- Uma coisa que sempre me fez impressão são as pessoas que vão aos médicos, ouvem o que eles dizem e saem de lá a dizer "o que é que ele percebe disto?". Espero que não sejas uma dessas pessoas :)

Beijinhos e força nisso

xá-das-5 disse...

maça = moça.
Tenho rapidamente que ir ao médico, coisa que não faço para mais de 20 anos (e por isso é que n estou doente).

gaia disse...

bem...
eu quando li isto ainda pensei em responder logo... mas achei que ía ser muito bruta, por isso decidi deixar passar. mas olha qe hoje não estou mais meiga, por isso aqui vai:

és adulta e sabes o que fazes. mas há momentos em que tens de ceder. momentos em que tens de admitir algumas falhas. momentos em que tens de pebsar em ti como uma pessoa e não como imortal. o que o médico te disse, tenha sido de que forma foi, é a realidade. a saúde não é eterna e temos de a preservar o melhor possível. fazer uns exames não custa nada. seguir o tratamento ainda custa menos. principlamente se isso vai contribuir para uma melhor qualidade de vida. a não ser que aches que as vertigens são, assim como um desporto radical, e isso te dá adrenalina, e qualidade de vida.... mas olha que cansa!!!

por isso, vamos lá a deixar de fazer birra e segue as indicações médicas. e se quiseres, podemos combinar para te dar nas orelhas pessoalmente. é algo que faço com gosto... e alivia o stress (que eu agora não tenho, mas não interessa nada...).

bjs
cuida de ti!!!!

pensamentosametro disse...

Obrigado a todos, eu sei que não me tenho portado lá grande coisa aqui com o corpito, mas estou a ganhar juízo, até já comuniquei que vou deixar os meus dois avençados.

Gaia,
obrigado pelo empurrão.

Headhache,

Eu vou , eu vou, isto é aquela mania que tenho piada.

Xá,
obrigado pelo bom humor.

Gione, Leão Paulo e Thunderlady,

Sabe sempre bem receber o vosso carinho.